Voltar 

                                                                          A alimentação dos homens
 

Necessidade repetida no quotidiano, incube à mulher a obrigação do seu preparo. E a água lá está, indispensável na lavagem

prévia dos alimentos, na cozedura dos mesmos, no lavar da loiça final.

Alguma famílias de menores posses preparavam muitas vezes, como primeira refeição do dia a chamada água-de-unto, um caldo pobre de água fervida com unto a que juntavam no próprio pote em grande tijela bocadinhos de pão ressequido.

A água é também usada como bebida, particularmente nos dias de canícula alternando-se o seu uso com o do vinho, prevenindo-se deste modo a embriaguez fácil no trabalho. No campo servia-se em vazinha de barro ou bebia-se directamente das nascente utilizando as mãos juntas em concha ou recorrendo a uma larga folha de couve.

   

  Voltar